Se está a procura de uma forma prática de avaliar os índices da sua equipe de vendedores, você precisa conhecer o dashboard de vendas. Além de ser uma ferramenta muito útil para análises, vai motivar seu time a vender mais!

O que a sua empresa usa para avaliar os resultados da equipe de vendas? As famosas planilhas do Excel e os relatórios gerados periodicamente já não são mais exemplo de eficiência. O que tem feito muitas empresas mudarem sua forma de gerenciar é o dashboard de vendas.

Além das planilhas não serem práticas, elas não oferecem a integração automatizada, muito menos a capacidade de contabilizar de maneira rápida e independente.

Tais funções estão presentes no dashboard devido ao fato de seus dados estarem em constante atualização, possibilitando melhorias e diagnósticos durante o andamento da receita.

Para saber com mais detalhes como funciona essa ferramenta de gerenciamento de vendas, acompanhe o conteúdo. Falaremos sobre o conceito, sua aplicação e as vantagens que ela oferece às empresas. Boa leitura!

O que é o dashboard de vendas?

Dashboards de vendas são painéis que têm a função de facilitar a compreensão de informações relacionadas aos processos de venda. Esses painéis mostram métricas e indicadores associados a objetivos traçados pela empresa.

O fato de demonstrarem os dados de maneira visual e orgânica torna o seu uso simples, já que coloca informações complexas de forma clara, objetiva e integrada.

Há diferentes formas de se analisar o desempenho de um negócio nas vendas, mas o método visual que o dashboard oferece traz a dinamicidade que uma empresa precisa para a sua rotina.

Assim, mais do que ser uma prática eventual, a análise detalhada da receita passa a fazer parte de diferentes decisões.

Ao monitorar os seus próprios resultados por meio de indicadores, não é preciso muito esforço para gerar um insight. O verdadeiro objetivo dos dashboards é essa possibilidade de monitoramento de resultados de maneira distribuída e organizada.

Conheça a metodologia desenvolvida pela SER para
melhorar os processos no seu varejo

Como garantir a análise correta?

Para ter uma análise detalhada, é preciso saber com clareza o que a sua empresa deseja conhecer. O tipo de resposta alcançada vai depender da capacidade de fazer as perguntas certas.

E como fazer as perguntas certas? Bom, uma equipe de vendas preparada precisa conhecer as metas da empresa e ter ferramentas para acompanhá-las. Nesse sentido, a definição de métricas, os KPIs, é parte essencial da criação de perguntas relevantes.

O ponto positivo é que isso vai ser feito de forma constante. Irá aperfeiçoar cada vez mais o processo e chegando às perguntas e respostas ideais. A cada pequena meta alcançada, novas perguntas e respostas podem ser geradas e o mesmo ocorre quando elas não são alcançadas.

A partir disso, é possível ir para a fase de criação do dashboard de vendas. É justamente o instrumento de visualização dos dados coletados por meio das perguntas, comparados aos indicadores.

Para facilitar ainda mais a análise, pode-se utilizar infográficos para representar determinadas informações numéricas. O gráfico tem essa capacidade de sintetizar a performance de modo comparativo, com pouca informação e linguagem simples.

Agora que você já sabe o que é dashboard de vendas vamos mostrar as vantagens que esse instrumento oferece. Acompanhe!

Quais as vantagens de um dashboard de vendas?

Valorização dos esforços da equipe

Para um vendedor, faz toda a diferença saber com clareza o que a sua performance representa em relação às metas da empresa. Com esse monitoramento constante e preciso, cada progresso passa a ser reconhecido e visto por todos, o que contribui para maior motivação e foco do vendedor.

Simplificação da análise de KPIs

Uma coisa é falar sobre performance, outra coisa é visualizá-la sob diferentes formatos, números e gráficos, comparados a metas e índices do passado.

Essa integração de dados dá mais sentido à interpretação e análise de performance, beneficiando gestores e vendedores, principalmente no processo de comunicação entre ambos.

Engajamento da equipe de vendas

Os painéis permitem que a equipe se ocupe apenas com o seu trabalho, o qual é incorporado ao instrumento e transformado em dados interpretáveis.

Assim, o vendedor não precisa se preocupar com preenchimento de planilhas e outros formulários de forma manual. Muito menos precisa parar seu trabalho para gerar números para seus superiores.

Vale lembrar que o tipo de dashboard para diretores, gestores e vendedores é diferente, com linguagem e dados específicos para cada um. No caso do vendedor, é preciso simplificar ao máximo sem perder a relevância dos dados.

Tomada de decisões mais precisa

Tomar decisões é algo rotineiro para equipes de vendas, mas pode ser muito mais assertivo quando se tem um repertório de informações, metas e referências bastante claro.

Nesse sentido, o dashboard de vendas é um instrumento poderoso de empoderamento da equipe de vendedores. Ele instrumentaliza as suas decisões, tornando sua atuação coerente do início ao fim.

Isso ocorre porque o vendedor passa a entender a relação de causa e efeito que suas ações têm para seu resultado final. A associação entre números e sua própria atuação é uma forma de feedback que ele muitas vezes precisa para se nortear.

Conheça a metodologia desenvolvida pela SER para
melhorar os processos no seu varejo

Redução de custos

Tempo, mão de obra e materiais. A redução de custos que o dashboard de vendas traz ocorre justamente pela simplificação do processo de análise dos resultados.

A substituição de relatórios, pareceres, avaliações e levantamentos múltiplos por uma ferramenta que engloba diferentes dados e os traduz com eficiência é o grande motivo dessas economias.

Com uma ferramenta assim, o time de vendas pode dedicar mais tempo a tarefas que geram receita para a empresa. Afinal, sabemos da importância de uma planilha e da forma indireta que atua nos lucros, mas sabemos também que as funções comerciais e diretas é que determinam o resultado.

Otimização da comunicação

Otimização é a palavra da vez nas organizações e se trata de um conceito que a partir do momento que é aplicado não tem limite nas possibilidades de benefícios oferecidos.

Quanto maior for a compreensão dos processos de uma empresa, mais fácil se torna otimizar as suas ações, pois é cada vez mais possível aliar o máximo de eficiência com o mínimo de esforço.

No caso do dashboard de vendas, por exemplo, percebe-se uma otimização generalizada, uma vez que melhora tanto a comunicação entre líderes e vendedores, diminuindo ruídos e falhas, quanto o próprio desempenho das equipes como um todo.

Depois dessas considerações, o que você acha de investir em dashboards de vendas para a sua equipe? Assine nossa newsletter e leia outros conteúdos como esse para ficar cada vez mais por dentro do assunto!