Avon na esteira contra o câncer de mama

2019-08-08T14:36:56-03:0011 outubro, 2012|Estratégia Corporativa|

David Legher, presidente da Avon Brasil, convocou os funcionários, na sede da empresa em Interlagos/SP, para um desafio inusitado em prol de uma das grandes causas apoiadas pela empresa, o diagnóstico precoce do câncer de mama: caminhar em esteiras ergométricas localizadas na própria empresa e nos centros de distribuição em outras três cidades (Cabreúva/SP, Maracanaú/CE e Simões Filho/BA). Para cada quilômetro percorrido pelos funcionários da Avon no Brasil, a empresa doará R$20,00 para instituições e centros de prevenção do câncer de mama. A ação, que ocorre durante todo o Outubro Rosa (mês mundial de conscientização sobre a doença), se soma às mais de 500 mobilizações que revendedores Avon preparam em todo país para sensibilizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. Para incluir os internautas na mobilização, o portal da Avon estará cor de rosa até o final de outubro. A empresa criou também um aplicativo para que os usuários do Facebook possam customizar sua foto de perfil com o laço rosa da campanha em solidariedade à causa.

O Processo de Gestão de Pessoas mudou Bastante
Aprenda como Melhorar seus Processos com as Melhores Práticas!

O Instituto Avon coordena no Brasil a campanha “Avon Contra o Câncer de Mama”, desde 2003, com o objetivo de incentivar a detecção precoce da doença e contribuir para a redução do tempo entre diagnóstico e tratamento. Neste período, já foram investidos R$ 30 milhões em 78 iniciativas em prol da causa, arrecadados por meio da venda de produtos com renda revertida para a campanha. Os recursos são destinados a iniciativas como o apoio a mobilizações da rede de Revendedores Avon em suas comunidades, desenvolvimento de pesquisas e destinação de recursos a instituições públicas e à construção de centros de prevenção e referência. Já estão em funcionamento três centros de prevenção de câncer de mama apoiados pelo Instituto, em Barretos (SP), Salvador (BA) e Porto Alegre (RS).  O conjunto de projetos e ações já beneficiaram mais de 2 milhões de mulheres em todo o país, possibilitando inclusive a realização de mais de 1,25 milhão de mamografias e a descoberta de 15 mil novos casos da doença. 

 

http://www.gestaoerh.com.br/site/noticias/?id=308

Leave A Comment