Saiba como diferentes ações interferem nos resultados das equipes e aprenda a planejar o futuro da sua empresa a partir da metodologia de gestão de talentos.

A gestão de talentos tem papel importante no crescimento de uma empresa. Quando bem aplicada, ela proporciona condições adequadas para que as equipes de colaboradores se mantenham produtivas e engajadas em seus trabalhos.

Enquanto muitos gestores desconhecem o valor dessa metodologia, outros apenas encontram dificuldades para colocá-la em prática. E foi pensando nisso que trouxemos um post para sanar todas as dúvidas sobre o tema.

Acompanhe e saiba como a gestão de talentos pode te ajudar a planejar o futuro da empresa!

O que é a gestão de talentos e qual sua importância?

A gestão de talentos representa o conjunto de ações tomadas para desenvolver as potencialidades dos colaboradores de uma empresa. Nesse processo, gestores podem tirar melhor proveito do talento de cada funcionário por meio de práticas específicas.

Entre elas, estão a implementação de uma comunicação transparente, treinamento constante, definição de metas claras e o incentivo dado pelas figuras de liderança. Juntas, essas ações contribuem que as equipes atinjam seu potencial máximo.

A metodologia de gestão de talentos parte da ideia de que o sucesso de um negócio está diretamente relacionado ao seu capital humano. Logo, investir no preparo e engajamento de funcionários é uma atitude que pode trazer diversos benefícios.

Reconheça talentos e desenvolva funcionários
a partir da Matriz de Talentos!

eBook SER | Gestão de Talentos - Talent Grid

cta_baixe_ebook_gratis_azul

Quais as principais ações da gestão de talentos?

Uma boa gestão de talentos deve ser composta por ações que desenvolvam e valorizem cada um dos colaboradores. Veja abaixo quais são elas e dicas para colocar em prática na sua empresa:

Capacitação de pessoas

Contar com funcionários empenhados não é suficiente para obter bons resultados. Infelizmente, muitos gestores esquecem que até o profissional mais competente precisa de treinamento constante para ficar alinhado aos objetivos da empresa.

Invista em cursos e atividades de capacitação para desenvolver novas habilidades e aprimorar os conhecimentos de cada colaborador. A qualificação vai favorecer as atividades e também elevar a autoestima e entusiasmo das equipes.

Reconhecimento contínuo

Uma pessoa contribui muito mais quando sente que seu trabalho faz a diferença dentro da organização. Sabendo disso, o gestor deve sempre dar os devidos créditos aos profissionais que apresentarem bons resultados.

O reconhecimento é essencial para desenvolver talentos porque ajuda a criar um ambiente positivo no grupo. Ele pode surgir na forma de pequenos gestos, como um elogio ou agradecimento às equipes envolvidas.

Ainda assim, nada impede que o líder recompense os méritos de cada colaborador com um presente especial, um dia de folga ou um aumento de salário. Tais atitudes valorizam o time e fazem com que a vontade de melhorar seja constante.

Ambiente colaborativo

A qualidade das relações interpessoais pode determinar o nível de satisfação dos colaboradores. Por isso, é necessário garantir um local de trabalho tranquilo para que as pessoas colaborem umas com as outras e se sintam integradas à empresa.

O líder é uma figura extremamente importante nesse processo e deve participar ativamente de cada atividade. Seu papel é motivar, dar feedbacks e garantir uma comunicação transparente com as equipes para que todas se desenvolvam.

Cabe destacar que o trabalho de motivação pode apresentar resultados diferentes dependendo do cargo ou faixa etária a que for direcionado. Talentos da geração Y (Millennials), por exemplo, gostam de participar de todas as atividades e preferem trabalhar com o auxílio de recursos tecnológicos.

Reconheça talentos e desenvolva funcionários
a partir da Matriz de Talentos!

eBook SER | Gestão de Talentos - Talent Grid

cta_baixe_ebook_gratis_azul

Elevação profissional

Possibilitar a ascensão profissional dos colaboradores é outra maneira eficiente de motivá-los e fazer com que atinjam bons resultados. Nesse sentido, não deixe de definir um plano claro de promoção para garantir o engajamento das equipes.

O planejamento de carreira deve agrupar os interesses da empresa e de seus colaboradores para que gere benefícios a ambos. Além disso, deve possibilitar o autodesenvolvimento das pessoas que, futuramente, ocuparão posições estratégicas dentro da organização.

Agora que você conhece as principais ações da gestão de talentos, aproveite para implementá-las aos poucos na empresa e alcançar o nível de produtividade desejado.

As informações do post ajudaram você? Compartilhe o conteúdo nas suas principais redes sociais!