Entenda o que é Offboarding e como aplicá-lo na sua empresa

2020-11-19T14:54:15-02:0019 novembro, 2020|Gestão de Pessoas|

Já sabemos que tratar os profissionais com respeito e educação é o mínimo que se espera de toda e qualquer empresa que está em busca de sucesso. Atrair bons profissionais e fazer uma seleção de pessoal qualificada são tão importantes quanto conduzir a saída do colaborador da organização.

A discussão sobre o offboarding vem ganhando espaço nas empresas. Qualquer que seja o motivo que levou a organização a procurar novos talentos no mercado de trabalho, aqueles que foram ou vão ser desligados merecem uma atenção especial. Por isso, é necessário se atentar à forma com a qual a gestão de pessoas é conduzida.

O processo de gestão de pessoas vai desde o momento de admissão, passando por suas condições gerais de trabalho, chegando ao momento do desligamento, que é justamente o que o offboarding vem tratar ao final do vínculo do profissional com a organização.

Quer saber mais? Continue a leitura e saiba mais sobre offboarding e como implementar esse procedimento na sua empresa.

O que é offboarding?

Para quem já conhece o onboarding que trata a integração de profissionais recém-chegados, o offboarding valoriza todas as ações e o fluxo a seguir quando um colaborador deixa a organização. O processo de desligamento deve ser realizado de forma transparente e com cuidado, para que fique bom entre as partes.

Para aplicação desse conceito é preciso trabalhar a cultura e filosofia da organização, pois envolve uma série de etapas e alterações. O intuito é tratar os argumentos de forma clara com o profissional para não gerar nenhum clima ruim ou de injustiça. Se esse processo de desligamento for mal feito, desorganizado e insensível, a empresa pode ganhar um grande inimigo.

Com o boom da tecnologia e frequente utilização de internet e redes sociais, qualquer informação ou postagem negativa rapidamente se espalha e atinge milhares de pessoas. Consequentemente, isso pode prejudicar muito a imagem e reputação da empresa perante clientes e o próprio mercado de trabalho.

Nas etapas do offboarding deve priorizar a regulamentação da situação do colaborador, devolução de materiais, esclarecimento sobre direitos e, inclusive, entrevista de desligamento. O setor de Recursos Humanos deve estar preparado e acompanhar todo o processo. Sendo assim. tudo deve ocorrer de maneira que o profissional se sinta respeitado, evitando dúvidas ou qualquer tipo de desentendimentos futuros.

Por que aplicar o processo de offboarding?

O processo de offboarding trata sobre as práticas que sua empresa adota quando há o desligamento de um profissional. São diversos os motivos para implementar um processo estruturado de desligamento dos colaboradores. Veja alguns deles a seguir.

Evita conflitos

O processo de desligamento é um momento delicado, muitas vezes, desgastante para ambos os lados. Dependendo da forma de como é tratado, pode envolver questões emocionais e levar ao surgimento de conflitos. A organização que possui um processo de offboarding bem estruturado consegue reduzir a probabilidade de atritos com o profissional que está saindo.

Além disso, essa também é a oportunidade de trocar feedbacks e deixar laços positivos com o profissional. Coloque-se no lugar do outro e mostre empatia.

Adquire informações importantes

Além disso, outro motivo para implantação do processo de offboarding é que você obtêm informações importantes que serão necessárias para manter um clima harmonioso na empresa. A entrevista de desligamento permite levantar os pontos positivos e negativos do ambiente de trabalho. Com isso, é possível traçar ações de melhoria.

Melhora a imagem da organização

A empresa precisa ter uma boa imagem diante o mercado de trabalho que este cada vez mais competitivo. Sendo assim, para atrair os melhores talentos, a organização precisa cuidar da sua imagem desde a entrada até a saída de colaboradores. Quando o desligamento de um profissional é amigável e bom para ambas às partes, a chance desse colaborador passar uma imagem positiva da empresa é muito maior.

Como estruturar o offboarding na sua empresa

Já vimos o quanto o processo de offboarding é essencial para sua empresa. Listamos a seguir as principais dicas de como estruturar esse processo na sua organização.

Estabeleça os procedimentos

Para estruturar um processo de offboarding de qualidade é preciso criar os processos formais que direcionarão no desligamento. Cada etapa deve ser detalhada para que não haja dúvidas da equipe. Além disso, é essencial que a equipe esteja treinada para aplicar todo o processo.

Comunicação clara

Quando for realizar o processo, tenha uma comunicação clara para que o profissional entenda todos os motivos do seu desligamento da empresa, quais seus direitos e esclarecer todas as dúvidas que surgirem. Para mais, também, é preciso deixar claro para os colegas de trabalho sobre o desligamento e as devidas justificativas.

Saiba como conduzir uma entrevista de desligamento

Por fim, essa é a etapa principal do offboarding. É nesse momento que a empresa consegue levantar as principais informações sobre as impressões do colaborador em relação ao trabalho na empresa, possibilitando melhorias futuras. O ideal é entender bem o que é e qual o objetivo da entrevista de desligamento, de modo a conduzi-la de maneira adequada.

O importante do processo do offboarding é sempre tentar se colocar no lugar do profissional. Independente do motivo, o desligamento é um momento delicado, tanto para a empresa como para o colaborador. Além disso, é essencial ter empatia para entender seu colaborador e apoiá-lo nesse momento.

Tenha uma plataforma de Recursos Humanos para otimizar e auxiliar a sua empresa no controle desses processos de gestão de pessoas. As plataformas online reduzem o tempo gasto com processos de admissão e desligamento de colaborados e as informações ficam organizadas e seguras em um local único com acesso aos gestores.

Quando o funcionário está se desligando por vontade própria, é importante entender quais foram os motivos que o levaram a essa decisão. Ter essas informações auxilia na redução do turnover da empresa e possíveis custos.

Gostou do post? Acompanhe nossas publicações e compartilhe nas suas redes sociais.

Deixar um comentário