Tipos de avaliação de desempenho: como escolher o ideal?

2019-05-21T11:23:02-02:0010 janeiro, 2018|Gestão de Pessoas|

Escolher entre tantas opções pode ser difícil, mas não deve ser um desafio a ponto de tomar um tempo precioso do RH.

A realização de avaliações de desempenho é um processo vital para o crescimento da empresa. O uso dessas ferramentas esclarece sobre o que cada funcionário tem de melhor e o que pode ser trabalhado, direcionando a equipe para a melhoria na performance e na produtividade.

Atualmente, há vários tipos de avaliação de desempenho e é importante entender qual o mais adequado para a sua empresa. Para ajudá-lo nisso, abordaremos um pouco de cada um dos principais modelos considerados para uma avaliação de desempenho. Continue a leitura!

Avaliação 360°

Muito usada pelas empresas, a avaliação 360° leva em consideração uma visão global do funcionário, usando feedbacks dos gestores e colegas.

Esse modelo de avaliação pode ser um pouco caro e demorado, por depender da coleta e da organização de várias informações, especialmente em empresas muito grandes. Nesse caso, o uso de um software de gestão de pessoas ajuda a compilar e organizar esses dados.

Aprenda passo a passo a escolher um
Modelo de avaliação e como implantá-lo!

ebook_desempenho
cta_baixe_ebook_gratis_azul

Dos tipos de avaliação de desempenho mais utilizados, no entanto, esse é um dos mais eficientes para a construção de um panorama de desempenho do funcionário. Isso porque permite feedbacks verdadeiros e que ajudam a melhorar não só a performance na execução de tarefas, mas também o relacionamento com os colegas e questões comportamentais.

A avaliação 360º é o tipo de avaliação ideal para o desenvolvimento de planos de carreira e sucessão interna e funciona muito bem para melhorar a performance e os resultados da empresa. Além disso, faz com que os funcionários sintam-se valorizados, tenham suas opiniões ouvidas e percebam que a organização apoia a sua evolução individual.

Avaliação por competências

A análise por competências tem como abordagem a avaliação do funcionário sob as competências técnicas e comportamentais. Comprometimento, produtividade e quaisquer outros aspectos que sejam importantes para a organização são considerados.

Esse modelo funciona muito bem em empresas pequenas, mas pode ser desafiador em companhias grandes, fazendo parte de um sistema de avaliação mais abrangente. O ideal é que tenha como apoio um gráfico ou uma planilha de acompanhamento. Dessa forma, podem ser feitas observações sobre cada competência dentro de períodos determinados.

Aprenda passo a passo a escolher um
Modelo de avaliação e como implantá-lo!

ebook_desempenho
cta_baixe_ebook_gratis_azul

Avaliação por objetivos

O método por objetivos leva em consideração a definição de metas para o período e seu acompanhamento. Ou seja, avalia se o funcionário está alcançando os objetivos e como melhorar esse desempenho.

Esse modelo pode ser muito bem empregado se você está precisando aumentar o engajamento na sua empresa. Com o feedback correto, esse acompanhamento permite que o funcionário encare as metas como desafios, dando o melhor de si e sabendo que terá uma orientação caso não consiga atingir o patamar desejado.

O gestor deve prestar atenção em três aspectos para realizar essa avaliação com sucesso: estabelecer metas alcançáveis (metas impossíveis podem desanimar o colaborador), ter tato ao passar o feedback (adotando uma postura encorajadora e disposta a tirar dúvidas e atuando como mentor) e manter essas metas alinhadas aos objetivos da empresa.

Agora que você já tem mais embasamento para escolher entre os tipos de avaliação de desempenho, confira como os dados podem ajudar na gestão de pessoas! Vamos lá!