Os maiores desafios do engajamento dos colaboradores

2021-08-20T10:43:24-03:0021 outubro, 2016|Gestão de Desempenho, Gestão de Talentos, Talent Management|

Entenda por que a tarefa de engajamento dos colaboradores tem sido considerada tão desafiadora pelos responsáveis pela gestão de pessoas e saiba como superar as dificuldades.

No cenário atual, é praticamente uma unanimidade de que o que toda empresa deseja é ter profissionais comprometidos, exercendo suas atividades com empenho e estando alinhados aos seus princípios e valores.

As chamadas equipes de alta performance, formadas pelos profissionais mais talentosos, comprometidos com os resultados do negócio, dispostos a promover o crescimento da empresa e considerando com isso o próprio crescimento.

Apesar de ser algo que as organizações reconhecem como uma de suas principais prioridades, nem todas sabem o que precisam fazer para alcançar esse engajamento. O objetivo deste texto é mostrar como é importante trabalhar para alcançá-lo e analisar algumas questões que tornam isso um desafio. Confira!

O que é engajamento dos colaboradores

Podemos chamar de engajamento o estado do funcionário que se envolve emocional e intelectualmente com a organização. Quando esse funcionário atua de forma apaixonada, comprometido a buscar os melhores resultados para a empresa.

Não apenas motivado e satisfeito, o funcionário engajado está conectado à visão, missão e valores da empresa. Assim como aos seus objetivos, tendo seus desejos alinhados ao DNA da organização.

Esses funcionários são promotores da marca e servem de inspiração para novos colaboradores, porque acreditam naquilo que fazem e se sentem participantes do sucesso da empresa. No entanto, se motivação é algo intrínseco ao ser humano. O engajamento depende das ações propostas pela organização, para gerar nesse colaborador o sentimento de pertencimento.

Em suma, são as chamadas ações de employee experience, que colocarão esse colaborador como alvo de investimento da organização, estabelecendo vínculos de confiança e aumenta sua satisfação e consequentemente promovendo o engajamento necessário ao sucesso dos negócios.

Desafios para superar

Muitas empresas entendem que o engajamento é uma prioridade para seus negócios, mas não sabem exatamente como promovê-lo. Não podemos ignorar que os desafios são enormes, já que sua equipe é feita de pessoas diferentes e cada colaborador pode ter uma necessidade diferente.

Nesse sentido, cabe ao setor de recursos humanos identificar as situações de trabalho, conhecer profundamente a equipe e propor ações efetivas para promover o engajamento.

No entanto, identificamos nesse artigo alguns dos maiores desafios das organizações, que listamos a seguir:

1- Conscientização e investimento nos líderes

Antes de qualquer coisa, é essencial a compreensão sobre como cada um de seus públicos absorvem os valores da empresa e como eles se conectam. Isso deve ter início na liderança da empresa e ser transmitido aos outros níveis para que, depois, possa se pensar em estratégias para alcançar o compromisso desejado — além de gerar a sensação de pertencimento e orgulho por parte dos funcionários com relação à organização.

O líder tem papel fundamental nesse processo, pois sem dúvidas o engajamento dos colaboradores fica comprometido se não há por parte do gestor incentivo, reconhecimento e valorização.

A liderança inspiradora é um fator determinante no engajamento de colaboradores. Líderes comprometidos com o desenvolvimento da equipe, tem maiores chances de envolver seus liderados e conseguir extrair os melhores resultados de sua equipe.

No entanto, é importante que a empresa entenda a necessidade de investimento na liderança. Afinal, é impossível inspirar outras pessoas naquilo que não se acredita. Portanto, o primeiro passo é criar para a liderança um ambiente de experiências extraordinárias, que causem o impacto necessário que eles precisem para impactar seus liderados.

ebook avaliação de desempenho

2- Limitação de recursos

Geralmente, a conquista pelo engajamento dos colaboradores envolve algum tipo de custo, mas isso se deve encarar como um investimento que trará retornos à organização.

Uma forma de motivar funcionários e torná-los mais comprometidos é investir em treinamentos, pacotes de benefícios atraentes e salários competitivos. Se a empresa recebe convites e gratuidades para eventos, por exemplo, isso se deve compartilhar com os colaboradores. Oferecer descontos por meio das facilidades e poder de compra da empresa também pode ser bastante eficaz.

Nesse sentido é importante que o setor de recursos faça um levantamento do perfil da equipe e dos recursos disponíveis para então propor ações para investir nesses recursos de forma a gerar valor para os colaboradores.

No entanto, é importante que o setor de recursos humanos entenda que equipes diferentes respondem de forma diferente aos estímulos. Portanto, tenha opções diferentes de benefícios e dê a seus colaboradores a oportunidade de escolher os mais atrativos.

A simples ação de poder participar da escolha que melhor lhe atende, já gera em seu colaborador o sentimento de valorização e com isso, aumenta seu engajamento.

3- Falta de apoio interno

Muita gente acredita que o engajar pessoas é uma atribuição exclusiva do departamento de Recursos Humanos. Dessa forma, as iniciativas geralmente não envolvem outras áreas da empresa e os gestores e colaboradores em geral isentam-se da responsabilidade de promover estratégias eficientes para o engajamento de funcionários.

É essencial que, dentro de uma organização, os funcionários possuam perspectivas de crescimento profissional e comuniquem-se com outras áreas, mantendo-se sempre informados. O responsável de cada setor deve estar sempre aberto e estimular os colaboradores a expor suas ideias e sugestões.

Por outro lado, o setor de recursos humanos pode investir em programas de desenvolvimento, a partir de dados levantados nas avaliações de desempenho, e com isso, criar possibilidade de crescimento.

Isso sem falar dos programas de inovação, que são um excelente canal de descoberta de talentos. A partir desses programas é possível conhecer mais a fundo o interesse dos colaboradores e torná-los mais participativos da vida da organização. Com isso, promove-se o engajamento deles.

4- Falta de conhecimento sobre o público

Fazer com que os melhores talentos e os profissionais de alto desempenho estejam engajados exige conhecimento sobre eles. É necessário entender quais são suas expectativas, quais são suas outras opções de carreira e o que pode fazer com que prefiram optar pelo empreendedorismo que atenderá seus propósitos de vida. O que geralmente acontece quando não encontram espaço para inovação.

Ao conhecer bem seu público, o gestor terá mais facilidade para promover uma ligação afetiva entre o colaborador e a organização. Isso trará entusiasmo e fará com que o funcionário se sinta realizado e feliz.

5- Falta de propósito

Dos desafios a serem vencidos, um dos mais nocivo para o engajamento de funcionários é o desconhecimento do propósito de seu trabalho. Nesse sentido é muito importante que cada colaborador entenda o sentido do seu trabalho e seja desafiado a superar suas próprias limitações.

Portanto, estabeleça metas a serem alcançadas, trace planos de desenvolvimento e permita que seus colaboradores participem ativamente dos processos de trabalho. Saber para onde está indo e traçar planos para alcançar o objetivo funcionam como fator de engajamento, já que o colaborador se sente participante do processo de trabalho e entende seu propósito.

ebook software para gestão de pessoas

6- Falta de inclusão

Diversidade cultural, social, de gênero, de ideias, de perfis, de gerações. Diversidade é a palavra de ordem para o sucesso de qualquer equipe. Afinal, quanto mais diversa é uma equipe, maior a troca de experiências, de conhecimentos. Consequentemente, maior o engajamento de seus integrantes e mais promissor o crescimento da empresa.

A falta de diversidade dentro das organizações promove a falta de diálogo construtivo e até a estagnação, já que prejudica o pensamento crítico e a inovação.

Com intuito de promover a inclusão, cada vez mais empresas tem investido na diversidade em suas equipes. E essa tem sido uma estratégia com alto poder de engajamento, já que valoriza as diferenças e promove interação, melhora o relacionamento interno e aumenta a inovação e a criatividade.

Portanto, se sua empresa precisa aumentar o engajamento de colaboradores, invista em uma cultura inclusiva, que valorize as diferenças e oportunize a troca de aprendizados entre os diversos perfis de colaboradores.

7- Falhas de comunicação

Esse torna se o desafio diário do setor de recursos humanos. A comunicação ineficaz prejudica o engajamento dos colaboradores porque impede que eles entendam seu papel no resultado da organização.

Portanto, uma comunicação assertiva e horizontal, permite que seus colaboradores se entendam as propostas da empresa e busquem as soluções mais eficientes para o alcance de resultados.

Sem falar que o investimento em canais de comunicação oficiais evita a triangulação e o entendimento errado das decisões da alta liderança. No entanto, não basta comunicar, é preciso dar espaço e voz a seus colaboradores. Dessa forma, torná-los protagonistas de seus processos de trabalho e com isso promover o engajamento necessário para o alcance de resultados.

8- Falta de investimento tecnológico

E por fim, um desafio para o  setor de recursos humanos vencer, é o baixo investimento em ferramentas tecnológicas que possibilitem a otimização de processos e automação das atividades.

Empresas que investem pouco em ferramentas tecnológicas, sobrecarregam seus colaboradores com atividades operacionais e impedem que eles tenham tempo para desenvolver atividades estratégicas.

Portanto, uma das principais estratégias de engajamento de colaboradores é o investimento no desenvolvimento tecnológico da empresa. Possibilitando com isso que seus colaboradores tenham tempo de desenvolverem inovação e criatividade.

Concluindo

Como foi possível ver, a promoção do engajamento de funcionários não é fácil, mas faz a diferença em uma organização. Com funcionários motivados, há melhora no relacionamento entre líderes e colaboradores, o ambiente se torna mais produtivo e as chances de sucesso são muito maiores.

Em se tratando de ações de promoção de engajamento, é necessário que o setor de recursos humanos se prepare para vencer as resistências internas e implantar uma cultura organizacional que favoreça a participação de todos e a valorização de ideias.

E se você precisa de ajuda para implementar tecnologia em Gestão de Pessoas na sua empresa, liberar seus colaboradores para atividades mais estratégicas e aumentar o engajamento? Com mais de vinte anos de experiência no desenvolvimento de soluções tecnológicas para Gestão de Pessoas, a equipe da SER está preparada para te auxiliar na escolha das melhores ferramentas. E dessa forma, transformar seu setor de Recursos Humanos e trazer resultados exponenciais para sua empresa.

Gostou do conteúdo? Compartilha em suas redes sociais. Aproveita e assine nossa Newsletter e receba diretamente em seu e-mail os melhores conteúdos em Gestão de Pessoas.

E você, consegue identificar esses desafios em sua empresa ou algum diferente desses? Deixe um comentário e compartilhe sua opinião conosco!

Compartilhar este Artigo

Um comentário

  1. Maylla Ziemniczak 10 de novembro de 2021 em 17:59- Responder

    Gostaria de saber quem escreveu esse artigo.

Deixar um comentário

Ir ao Topo