Motivação no trabalho – o que é e qual sua importância?

2021-04-08T09:27:05-03:008 abril, 2021|Gestão de Pessoas|

Hoje sabemos que a motivação no trabalho tem grande relevância, já que, como num efeito dominó, pessoas motivadas tendem a produzir mais e com maior qualidade. Isso ocorre pois, quando estamos motivados, passamos a enxergar a nós mesmos e o ambiente ao nosso redor de maneira mais positiva e com isso, nos tornamos mais proativos.

Nesse artigo vamos abordar a motivação no trabalho de um modo mais concreto, apresentando seus principais benefícios e algumas dicas para impulsionar o ânimo da sua organização!

O que é a motivação?

Em termos psicológicos, a motivação se trata de uma reunião das razões pelas quais alguém age de certa forma, o impulso interno que leva à ação para realizar seus objetivos: porque você se comporta de determinada maneira. No dicionário se classifica como um ato ou efeito de despertar o interesse por algo.

É a partir desta definição que trabalharemos, pensando em formas de aumentar o interesse no trabalho.

Por que a motivação no trabalho é importante?

De forma geral, a motivação é o suprimento essencial para realizar ou alcançar algo desejado. Por isso, estimulá-la é tão importante. Veja a seguir, alguns benefícios:

1. Engaja colaboradores

Colaboradores motivados são mais engajados e conquistam melhores resultados para a empresa, pois exercem suas atividades com mais empenho.

2. Aumenta a produtividade

Estudos apontam que a motivação no trabalho é um fator que caminha junto com a produtividade, já que colaboradores motivados e satisfeitos estarão mais predispostos para suas tarefas.

Portanto, uma boa forma de estimular e aumentar a produtividade é trabalhar com metodologias ágeis; estratégias para o desenvolvimento que visam um funcionamento mais eficiente e assertivo.

Essas metodologias de gestão valorizam a dinâmica e a interação entre os colaboradores e a cooperação com o cliente, além de buscar adaptar-se a mudanças que poderão surgir pelo caminho.

3. Melhora a autoestima dos colaboradores

Sabemos que a autoestima é de grande valia para nós. Quando nos sentimos bem, as coisas parecem fluir, e quando fluem, obtemos resultados.

A sensação de conquistar objetivos nos ajuda a termos uma melhor relação com nós mesmos, além do reconhecimento que podemos receber, que também melhora essa relação.

Assim, temos um ciclo – que, é importante ressaltar, funciona na maioria das vezes: quem está motivado gera resultados que aumentam sua autoestima, promovendo uma motivação no trabalho ainda maior.

4. Estimula o crescimento individual

Existem diversas maneiras de evoluirmos, mas no âmbito profissional, nada funciona mais do que a motivação para nos tornarmos produtivos, proativos e sair da nossa zona de conforto.

Quem está motivado procura novos desafios e experimenta formas inovadoras de executar suas funções, indo além do trabalho repetitivo.

Comunicação interna

Tipos de motivação no trabalho

Existem dois modelos de motivação no trabalho:

 1. Intrínseca

Depende do próprio indivíduo e está ligada às prioridades, valores e desejos internos de cada pessoa. Tem relação com a força interior que alguém é capaz de manter ativa mesmo diante de adversidades.

2. Extrínseca

Está conectada ao ambiente, às situações e aos fatores externos. Neste tipo, o ambiente profissional tem um papel importante, pois contamos com a manutenção da motivação dos colaboradores, que afeta a produtividade dos mesmos e, consequentemente, da empresa.

Assim, nesse quesito, a equipe de Recursos Humanos se destaca: são eles quem, acima de todos, devem desenvolver estratégias que garantam o bem-estar dos colaboradores e da empresa. Contamos com eles para trazer cursos de especialização e palestras motivacionais, por exemplo.

Além disso, são eles que se encarregam dos feedbacks, fundamentais para o autoconhecimento do colaborador. A tecnologia, através de uma ferramenta para a gestão estratégica de pessoas, é de grande valor, automatizando e simplificando esse processo.

Dicas para aumentar a motivação no trabalho

Você pode começar a elaborar estratégias que engajem seus colaboradores utilizando o design thinking, conjunto de ideias e insights para abordar problemas relacionados a futuras aquisições de informações, análise de conhecimento e propostas de soluções.

O auxílio na inovação disruptiva para obter ideias criativas é indispensável. Existem algumas técnicas de motivação no trabalho que apresentaremos em seguida, mas é preciso reconhecer o cenário da sua própria organização, e utilizar as respostas mais adequadas a ele.

1. Trabalhe um programa de Employer Branding

Employer Branding é uma estratégia que tem o objetivo de criar uma boa reputação como empregadora para a companhia.

Dessa forma, ela é colocada em prática com a implementação de ações que objetivam atrair os melhores talentos em seus processos seletivos, além de gerar um sentimento de orgulho entre os colaboradores que já fazem parte do time. E, nesse caso, o sentimento de orgulho é a motivação necessária!

2. Faça brainstormings em conjunto

O brainstorming, que traduzido de forma literal significa “tempestade de ideias” e de forma prática significa debate, sendo assim, serve como um estímulo ao pensamento criativo.

Ao mesmo tempo em que funciona como dinâmica de grupo, é uma ferramenta administrativa e de inovação na empresa, sendo utilizado para descobrir novas ideias produtivas e eficientes, além de procurar saídas criativas para os mais diversos problemas.

Para articular um brainstorming produtivo, você pode seguir cinco passos: primeiro, crie uma meta focada no problema; em seguida, coloque todas as ideias na mesa; posteriormente, valorize as ideias que parecem incomuns, para depois combinar as possibilidades e condensar as conclusões em um plano de ação.

É importante pois, ao valorizar ideias diferentes e trabalhar em conjunto, o profissional sente o reconhecimento e a motivação presente no ambiente de trabalho.

3. Busque o intraempreendedorismo

Intraempreendedorismo é o ato de empreender dentro dos limites já existente em uma organização, seja atuando em melhorias de processos internos, desenvolvendo novos produtos, novas soluções ou criando novas iniciativas de negócio.

Além disso, trata-se também de uma característica buscada em profissionais, caracterizada pela habilidade do mesmo em trazer ideias e inovações, tendo uma atitude proativa dentro da empresa.

Comunicação interna

4. Invista em programas de ideias para que o colaborador se sinta ouvido

O investimento no ambiente profissional é uma das melhores estratégias para garantir uma equipe motivada. Pessoas se conectam com pessoas, e para que isso ocorra, elas precisam falar e ser ouvidas.

É muito valioso para a sua empresa que o colaborador sinta que tem voz e que ela ecoa; dessa forma, a base para a motivação se instala. Um programa de ideias garante esse espaço, permitindo que todos ofereçam sugestões de modo constante e tenham uma resposta clara sobre suas ideias.

5. Busque por treinamentos organizacionais para mostrar que a empresa se importa com cada indivíduo

Por fim, os colaboradores da empresa sempre precisam de treinamentos e capacitações que tenham como objetivo ajudá-los a melhorar habilidades ligadas às suas funções, e ampliar os conhecimentos gerais que sejam estratégicos para a empresa.

Tudo isso visa a participação, cada vez maior, do profissional nos resultados corporativos. Além dessas capacitações, devemos contar também com mentorias especializadas em relações, para que o indivíduo se sinta valorizado.

Existem diversas vantagens ao adotar estas medidas: geram uma melhora significativa nos resultados pessoais e da equipe; melhora na qualidade de entrega de produtos, serviços e relacionamento; aumento de conhecimento e autonomia dos colaboradores, entre outros.

Conclusão

Ao longo deste artigo pudemos perceber o quão essencial é a motivação no trabalho para o desenvolvimento de sua empresa. Ela gera resultados e mudanças de qualidade para a sua organização.

Por isso, é relevante que as organizações se preocupem com a motivação e o próprio bem estar do trabalhador, promovendo atividades que busquem estimular e engajar, porque dessa forma todos saem ganhando.

Lembre-se que os resultados surgem numa via de mão dupla, não subestime o poder da motivação e não negligencie o bem-estar de sua equipe. Equilibrar resultados e pessoas é o que garante o crescimento de uma organização no longo prazo!

Esse artigo foi escrito em parceria com a AEVO, a maior plataforma de Gestão de Inovação da América Latina.

Compartilhar este Artigo

2 Comentários

  1. Paulo C. 17 de abril de 2021 em 00:55- Responder

    Com motivação, quase TUDO é possível!
    Nada melhor do que iniciar um projeto com uma injeção (psicológica) de motivação. É algo que pode ser desenvolvido com o tempo e fica cada vez mais intrínseco!

    Excelente seu artigo, muito engrandecedor.

    • SER 19 de abril de 2021 em 10:10- Responder

      Olá Paulo, que bom que gostou 🙂

      Continue acompanhando nosso blog que sempre estamos trazendo novidades.

      Abraço!

Deixar um comentário

Ir ao Topo