Veja quais são as melhores estratégias de retenção de talentos para uma empresa

2021-05-20T09:49:33-03:009 março, 2018|Gestão de Desempenho, Talent Management|

Entenda como e porque elaborar estratégias de retenção de talentos pode colocar sua empresa na rota do sucesso.

Uma empresa nasce de um objetivo. E para que esse objetivo seja alcançado, ela precisa contar com colaboradores de alta performance, os chamados talentos.

Pessoas competentes e comprometidas com os resultados garantem que os processos internos sejam realizados com excelência e qualidade, resultando, assim, em vantagem competitiva.

No entanto, encontrar e manter bons profissionais dentro da empresa não é uma tarefa fácil. Quando não existem ações eficientes voltadas para o desenvolvimento do colaborador e a criação de valor, então essa tarefa torna-se quase impossível. Por esse motivo, contar com estratégias de retenção de talentos coloca o setor de recursos humanos na linha estratégica que garantirá resultados promissores, mantendo uma equipe de excelência comprometida com a organização.

São essas estratégias que garantirão o employee experience de seus talentos e farão a promoção do employer branding, colocando sua empresa em posição de destaque no mercado.

Talentos para gerar resultados

A princípio, um talento é alguém que caminha alinhado aos valores e metas da organização. Ou de forma semelhante, se alinha com facilidade a esses valores e internaliza positivamente a missão e visão da organização.

Um talento tem pensamento crítico e busca analisar se suas entregas geram valor para o negócio, priorizando a qualidade da entrega ao invés de somente o prazo. Além disso, eles são inspiração para outros colaboradores, fortalecendo com isso uma cultura de aprimoramento nos lugares onde trabalham.

Portanto, um talento é uma força dentro da equipe e da empresa, pois contribui para o engajamento de outros colaboradores e para o alcance dos resultados propostos pela organização.

Mas é preciso antes de tudo identificar esses talentos. O que exige uma mudança do mindset da organização. Os processos em Gestão de Pessoas precisam ser revistos e adaptados à nova realidade do mercado e as necessidades das equipes.

A identificação de um talento começa nos processos de atração, recrutamento e seleção e passam pelos programas de desenvolvimento até chegar na retenção. E é exatamente aqui, que sua empresa precisa conhecer as estratégias de retenção de talentos.

No entanto, se seu setor de recursos humanos tem problemas para elaborar essas estratégias de retenção de talentos, não se preocupe. Listamos neste post tudo o que você precisa saber. Confira!

Tenha um programa de integração

Essa é uma ação ainda pouco realizada nas organizações, mas que tem um impacto muito positivo na visão do novo colaborador.

Em primeiro lugar, a apresentação da empresa, das normas, visão, valores e dos companheiros faz com que o profissional ingressante fique mais seguro para exercer seu trabalho e se relacionar com as pessoas.

O setor de RH deve se programar para receber o funcionário e acompanhar sua integração para atingir o resultado esperado. Lembre-se de que para muitos “a primeira impressão é a que fica”. Por isso é tão importante fazer com que o colaborador goste do ambiente desde o primeiro contato

Mas atenção, não basta fazer a apresentação da empresa. É preciso integrar esse colaborador ao time promovendo ações de quebra gela e até designando um colaborador mais comunicativo para acompanhá-lo nos primeiros dias de sua jornada.

ebook remuneração

Ofereça um ambiente de trabalho saudável e confortável

O ambiente de trabalho tem um grande peso na percepção e satisfação do funcionário em relação à empresa. Quando o clima organizacional não é favorável à troca de conhecimento, interações e, além disso, não é respeitosa, o colaborador se sente desmotivado a seguir carreira dentro da organização.

A falta de conforto também é um fator importante que interfere na satisfação da equipe. Sendo assim, quanto menos confortável o ambiente for, mais desgastante o trabalho se tornará.

Aqui, ações de promoção do trabalho em equipe fazem toda a diferença. Para isso é preciso investir numa cultura de cooperação e diálogo contínuo. Um exemplo de ação é promover encontros dos grupos para discutir assuntos relacionados a empatia, colaboração e responsabilidade social. Isso pode ser feito dentro da própria organização e até online.

Invista em capacitação

A capacitação é uma ótima maneira de “fidelizar” seus talentos. Profissionais comprometidos com o crescimento pessoal e da organização são pessoas que buscam maneiras de se desenvolver e ter sucesso na carreira, por isso valorizam tanto os treinamentos oferecidos.

Tornar os funcionários mais qualificados também interfere nos resultados da organização e torna o trabalho menos desgastante e mais prazeroso para os colaboradores.

Portanto, sua empresa precisa investir em programas de desenvolvimento profissional, adotando ferramentas como PDI, Universidade Corporativa ou oferecendo bolsas para cursos externos, como forma de promover uma cultura de aprendizagem e desenvolvimento.

Claro que essas são ações que devem levar em consideração o perfil de cada colaborador e os recursos que disponíveis para serem aplicados.

Gestão do desempenho

Estabelecer metas, orientar e acompanhar o trabalho realizado, dar feedbacks construtivos e reconhecer o bom desempenho são ações que fazem a diferença quando o assunto é motivação e retenção de talentos.

gestão de desempenho permite ao colaborador entender o que a organização espera do seu trabalho e, a partir dessa orientação, trabalhar para atingir um objetivo. Além disso, o reconhecimento dos bons resultados estimula o profissional a buscar sempre o melhor e reforça para todos que a empresa valoriza o bom desempenho.

Nesse sentido, invista em programas de avaliação e acompanhamento do desempenho e até em bonificações quando metas e objetivos forem atingidos.

Conceda benefícios atrativos

Bons profissionais não estão interessados somente no salário oferecido, mas sim no que a empresa tem a oferecer. Benefícios como plano de saúde, plano de carreira, treinamentos, horários flexíveis e plano odontológico são alguns dos auxílios concedidos pelas organizações que são muito atrativos na visão dos funcionários.

Caso sua empresa não tenha um programa de benefícios ainda, é interessante que você providencie o quanto antes para não perder talentos para a concorrência. Procurar entender as necessidades dos colaboradores e realizar um planejamento financeiro são fundamentais na elaboração desse plano e no sucesso da ação.

Uma boa forma de satisfazer necessidades diferentes é oferecer pacotes de benefícios flexíveis. Dessa forma, cada colaborador pode optar pelos benefícios que são mais atrativos para o perfil dele.

Essa é uma ação que promove o sentimento de valorização e importância no colaborador, produzindo engajamento e estabelecendo um vínculo de confiança entre ele e a organização.


Reter para ganhar

Identificar e promover estratégias de retenção de talentos proporciona à organização condições de alcançar os objetivos propostos em seu planejamento estratégico.

Inegavelmente, identificar talentos e fazer a gestão destes, irão colocar a empresa na rota do crescimento. Afinal, uma empresa que se preocupa em criar um ambiente de desenvolvimento de talentos e investe em estratégias de retenção desses talentos, promove a satisfação do cliente interno e externo. Ou seja, fortalece e impulsiona o employer branding e com isso reforça sua competitividade no mercado. E o resultado do fortalecimento da marca empregadora já irá colaborar para a primeira estratégia da identificação de talentos: a atração.

E assim, talento contratado, as estratégias de retenção se encarregarão de promover o employee experience, e garantir que sua empresa mantenha um time de alta performance. Afinal, quando um talento vai embora, ele carrega consigo não só suas habilidades, mas toda a expertise do negócio que adquiriu com seu trabalho.

E investir em novos talentos e reiniciar a jornada é um trabalho árduo e de alto custo para a organização.

Portanto, investindo na formulação de estratégias de retenção de talentos sua empresa garante:

  • Fortalecimento de uma cultura organizacional de desenvolvimento e excelência;
  • Aumento da produtividade, engajamento, comprometimento com os resultados coletivos e entrega com qualidade;
  • Economia de recursos com a diminuição do turnover e sem processos contínuos de recrutamento e seleção;
  • Garantia de alcance de resultados dentro do planejado;
  • Manutenção de uma equipe de alta performance

Em conclusão

Toda empresa precisa preocupar com a competitividade do mercado para garantir sua longevidade e sustentabilidade. Como forma de se destacar precisa usar estratégias eficazes na retenção de talentos na empresa.

Como resultado disso, é possível contar com uma equipe de alta performance que por si só é uma garantia de sucesso para a organização.

Equipes de alta performance se encarregam de todo o processo de crescimento da empresa. São focados e comprometidos com todos os processos e resultados.

Esperamos que após ter lido as nossas dicas, você esteja mais preparado para essa tarefa.

Assim, além das dicas dadas acima, é muito importante que você invista em softwares que te auxiliem com as estratégias de retenção de talentos. Essas ferramentas possibilitam a avaliação de competências, gestão de metas, remuneração, planos de desenvolvimento de funcionários e outros benefícios para a gestão de pessoas.

Aqui na SER, estamos sempre empenhados em oferecer as melhores soluções em Gestão de Pessoas para seus colaboradores.

Quer conhecer a ferramenta SER HCM e impulsionar a retenção de talentos e sua gestão na sua empresa? Entre em conosco!

Aproveite e assine nosso newsletter e fique por dentro dos melhores conteúdos em Gestão de Pessoas.

Compartilhar este Artigo

Deixar um comentário

Ir ao Topo