Descubra agora como avaliar o fit cultural dos candidatos da empresa

2020-02-26T13:46:07-03:0026 fevereiro, 2020|Estratégia Corporativa|

Empresas que contratam considerando o fit cultural conseguem resultados muito melhores e equipes coesas e engajadas!

Para as organizações, é extremamente importante contratar pessoas que, além da capacidade técnica de desenvolver as funções, também se identifiquem com a cultura organizacional, com os seus valores e com os princípios. Podemos chamar esse alinhamento de fit cultural, ou seja, a sinergia entre as crenças do profissional e da empresa.

Essa identificação ajuda a corporação em diversos aspectos: garante um maior engajamento, aumenta os índices de retenção e melhora o clima organizacional.

Quer aprender a avaliar esse aspecto dos seus colaboradores e candidatos a uma vaga? Então, continue a leitura!

Como a avaliação do fit cultural funciona na prática?

A verdade é que, embora muitas empresas conheçam a importância do fit cultural e seus benefícios dentro dos processos que envolvam a avaliação de pessoas, seja para a contratação, seja como método de desenvolvimento, poucas têm as competências necessárias para exercer essa análise com foco em resultados.

Uma avaliação de fit cultural depende do conhecimento profundo das necessidades e características da empresa, além de uma equipe especializada e preparada para aplicar as metodologias para análise.

Esse processo não deve ser confundido com uma avaliação superficial dos requisitos do candidato, na qual o gestor conclui, sem muito conhecimento, que “fulano é a cara da empresa”. Essa informalidade baseia-se em vieses pessoais, muitas vezes, incorretos e não apresenta nenhuma precisão capaz de beneficiar a organização.

Quando a avaliação é feita de maneira séria, o funcionário apresenta um engajamento muito maior e consegue ter uma evolução dentro da empresa. Além disso, o fit cultural não reduz a diversidade, pelo contrário ― abre portas para pessoas de diversos perfis que sejam capazes de realmente colaborar para o desenvolvimento corporativo.

Como avaliar o fit cultural nos candidatos e funcionários?

Não basta compreender a importância do fit cultural. É necessário aprender a aplicar esse conceito na hora de avaliar os profissionais durante um processo seletivo e para a estruturação das equipes internas. Confira, então, algumas dicas de como fazer essa avaliação na prática.

Conheça os valores da empresa

Quando falamos em fit cultural, é essencial que a cultura organizacional esteja bem definida e clara. Sem esse pilar, é impossível trabalhar o alinhamento dos funcionários, afinal, a cultura organizacional é o ponto de partida desse conceito.

Essa cultura precisa estar documentada e ser divulgada para todos na empresa. Ela deve ser parte viva da identidade da corporação.

Defina objetivos

Quais valores você gostaria que tivessem um destaque ainda maior na empresa? Quais são as metas relacionadas não só à produtividade, mas à identidade e à formação de equipes?

Considere esses pontos na hora de analisar o fit cultural, compare com práticas anteriores e perceba quais ações são necessárias para alcançar esses pontos.

Aplique testes comportamentais

Existem diversos testes que ajudam a entender um pouco da personalidade da pessoa avaliada. Também conhecidos como testes comportamentais, eles classificam as pessoas dentro de variáveis que dão uma compreensão muito clara das reações e das atitudes dos indivíduos.

Para a aplicação desses testes, é importante prestar atenção se o ambiente é o ideal e contar com a ajuda de psicólogos para que os resultados sejam precisos.

Promova dinâmicas de grupo

As dinâmicas de grupo são excelentes oportunidades para entender como as pessoas se portam em situações reais. Determinados detalhes, como ética, competitividade e senso de colaboração, podem ser percebidos de maneira verdadeira.

ebook cultura organizacionalPowered by Rock Convert

Essas atividades também revelam aspectos importantes para o perfil profissional, como se o indivíduo é do tipo executor, planejador ou analista, por exemplo. Isso facilita a compreensão do perfil, permitindo a verificação da adequação da pessoa para a ocupação de determinado cargo e para o papel que ela pode assumir dentro da equipe.

Conduza as entrevistas corretamente

As entrevistas são a melhor maneira de conhecer o profissional mais a fundo, identificando motivações e características. Em uma conversa, é possível detectar também alguns aspectos, como ansiedade, dinamismo, perspicácia, capacidade de comunicação, entre outros.

Para que funcione bem, é importante estruturar as perguntas de forma neutra, para que não seja possível a manipulação das informações. Por exemplo, ao perguntar ao profissional se ele trabalha bem em equipe, é muito provável que ele responda que sim, mesmo que isso não seja verdade.

A melhor maneira de conduzir essas entrevistas é fazendo perguntas situacionais, que abram espaço para que as respostas sejam as mais amplas e fiéis possíveis.

Também é necessário deixar os colaboradores à vontade, para que a pressão não restrinja o funcionário e para que nuances de sua personalidade acabem não sendo detectadas.

Avalie o histórico do profissional

Por meio das experiências anteriores, é possível identificar alguns aspectos relacionados ao fit cultural. Avalie as empresas nas quais o profissional trabalhou e ficou por mais tempo.

Durante a entrevista, pergunte onde ele mais gostou de trabalhar e por quê. Questione também em quais momentos ele sentiu dificuldade para se enturmar ou para executar as tarefas dentro do ritmo exigido.

Isso vai dar uma noção clara das culturas organizacionais com as quais o indivíduo sente maior identificação e como esses aspectos se assemelham com a sua empresa.

Quais perguntas podem ser feitas para identificar o fit cultural?

Mesmo com esses direcionamentos, podem surgir algumas dúvidas relacionadas às questões que trarão as respostas necessárias para uma avaliação precisa do fit cultural.

Por isso, selecionamos, aqui, algumas questões que você pode empregar durante a entrevista para exercer uma análise precisa desse alinhamento. São elas:

  • Você prefere trabalhar sozinho ou em equipe?
  • Conte uma situação de conflito durante o trabalho em equipe e como a resolveu.
  • Imagine que você tem vários projetos a serem entregues em um prazo bem apertado. Como definiria as prioridades e resolveria o problema?
  • Com quais erros profissionais você aprendeu mais?
  • Qual o seu maior motivador na carreira?
  • Você costuma fazer amigos no local de trabalho? Como lida com a convivência com colegas muito diferentes?
  • De que maneira se sente ao receber uma crítica?
  • Como descreveria a sua ética de trabalho?

Com a aplicação dessas dicas, é possível fazer uma avaliação mais precisa do fit cultural e considerar esse aspecto para contratar melhor, executar ações de motivação e, até mesmo, para planos de carreira internos.

Se a cultura da sua empresa ainda não está definida o suficiente para isso, sugerimos a leitura do artigo “Como fortalecer a cultura organizacional” para promover um maior conhecimento da temática.

Deixar Um Comentário